Caxias e Grêmio já decidiram turno de Gauchão

Em grande partida no Olímpico, Grêmio de Renato foi campeão nos pênaltis.

Caxias e Grêmio já decidiram turno de Gauchão
Foto: Ducker

Caxias e Grêmio irão decidir a final da Taça Ewaldo Poeta, o vencedor será o primeiro classificado para a final do Gauchão de 2020.

Grêmio e Caxias decidiram a final da Taça Piratini, equivalente ao primeiro turno do Campeonato Gaúcho de 2011. Em uma partida eletrizante no Olímpico, o Tricolor foi campeão nos pênaltis.

Renato Portaluppi estava em sua primeira passagem como técnico gremista, e escalou o Grêmio para aquela decisão com o seguinte time: 

Victor; Gabriel, Rafael Marques, Rodolfo e Gilson; Fábio Rochemback, Willian Magrão, Carlos Alberto e Douglas; Borges e André Lima

Já o Caxias, era comandado pelo técnico Lisca, e foi a campo para a decisão com a seguinte escalação:

André Sangalli; Alisson, Edson Rocha, Marcelo Ramos e Gerley; Marcos Rogério, Itaqui, Edenilson e Dê; Everton e Lima.

Itaqui, em cobrança de falta, marcou para o Caxias aos 19 minutos do 1° tempo. Logo em seguida, Gerley ampliou para o Grená. Ainda no primeiro tempo, William Magrão diminuiu para o Grêmio. A primeira etapa da partida terminaria 2 a 1 para o Caxias.

No segundo tempo, o Grêmio, comandado pela sua torcida no antigo Estádio Olímpico, foi para cima do time Grená, marcando o gol de empate aos 50 minutos de jogo. Um gol chorado do zagueiro Rafael Marques.

Gol polêmico, por conta dos 8 minutos de acréscimos dado pelo ex árbitro Marcio Chagas da Silva. Nos pênaltis, o Grêmio derrotou o Caxias por 4 a 1 e se sagrou campeão da Taça Piratini. O título do primeiro turno seria a última taça tricolor no Estádio Olímpico.

Nas penalidades máximas, o Grêmio derrotou o Caxias por 4 a 1 e se sagrou campeão da Taça Piratini. O título do primeiro turno, seria o último título gremista no Estádio Olímpico.