segunda-feira, 03/08/2020
Início Tricolor Classificado, Renato projeta semifinal: "É matar ou morrer."

Classificado, Renato projeta semifinal: “É matar ou morrer.”

Após empatar com o Novo Hamburgo em Lajeado, o técnico Renato Portaluppi concedeu entrevista coletiva. Questionado sobre um possível clássico Gre-Nal na final da Taça Francisco Novelletto, o treinador afirmou que o tricolor pensa apenas no Novo Hamburgo e que espera jogar o confronto da semifinal na Arena.

“O Grêmio pensa no Novo Hamburgo. Degrau a degrau. Espero que o Prefeito possa liberar a Arena. Se não, jogaremos em nosso CT. Nós esperamos que haja bom senso.”

O técnico foi questionado sobre a venda de Diego Rosa para o Manchester City sem ter atuado no profissional do tricolor, mas disse que esse tipo de venda é normal nos clubes grandes para garantir uma sobrevivência financeira.

“Um clube grande vende até ídolos do time principal para sobreviver. É um garoto, assim como outros que o Grêmio tem. Ninguém garante que ele vai estourar, mas a gente torce por ele. Mas é para a sobrevivência do clube. Ele não vai ser o último.”

Mesmo com a subida de Guilherme Guedes, Renato afirmou que o Grêmio segue no mercado, e uma das peças que o tricolor busca é justamente um lateral-esquerdo.

“Nós vamos contratar. Conversei com a diretoria e com o Presidente e eles estão se mexendo. O Guedes vem jogando bem e temos o Cortez, mas esse ano nós tínhamos 3 laterais junto com o Caio Henrique. O Grêmio é grande e disputa várias competições. Quanto mais jogadores a gente tiver numa posição, melhor.”

O treinador comentou também sobre o caso do centroavante André. Renato disse aguardar uma definição entre diretoria e jogador.

“Se ele sair, o Grêmio vai atrás de outro jogador. Se ele ficar, vou aproveitá-lo.”

No final da entrevista, Renato se disse satisfeito pelo desempenho da equipe nos três jogos deste mês e projetou o confronto diante do Novo Hamburgo pela semifinal.

“É uma semifinal, é matar ou morrer. Eu acho que toda a equipe se comportou bem hoje. Apesar do gramado, não faltou luta ou entrega. É lógico que poderia ser melhor se a gente jogasse em um gramado melhor, mas deu pro gasto. O importante é que conseguimos nosso objetivo. Conseguimos a classificação com a melhor campanha do grupo e jogaremos a semifinal em casa, além da final, caso a gente passe.”

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

mais lidas

Especial: Jogadores Vira-Casaca na década de 90

Na primeira parte desta matéria mostramos os 25 jogadores que viraram a casaca no século 21. Agora, chegou a vez dos anos 90, que...

Desenvolvedores criam mapa de corrida de carro baseado em Porto Alegre

Já pensou em disputar uma corrida de carro na orla do Guaíba? Ou então passear em alta velocidade pelo Beira-Rio e Arena do Grêmio?...

Deu Tudo Errado: Leandro, o especialista

Muitas vezes o que parece ser o início de um sonho pode acabar dando tudo errado. Quem é torcedor sempre sonha com um título,...

Jogadores do Grêmio publicam nota conjunta: “Nos respeitem!”

Após o Grêmio divulgar o adiamento de parte dos vencimentos dos jogadores, os atletas tricolores foram às redes sociais comentar sobre o assunto. Publicaram...