quinta-feira, 24/06/2021
Publicidade
Início Dupla Gre-Nal A fase da dupla Gre-Nal para o clássico 431

A fase da dupla Gre-Nal para o clássico 431

Pela segunda vez na temporada, Inter e Grêmio irão se enfrentar em um clássico. Porém, muita coisa mudou desde a vitória magra do tricolor. Tiago Nunes chegou de um lado, enquanto Ramírez ganhou sequência do outro. Mas o que isso muda e qual é a fase de cada time antes do Gre-Nal 431?

GREnal

O Grêmio está mais estável do que nunca, mas ainda não teve um desafio de tanto impacto. Sob o comando de Tiago Nunes, são incríveis 100% de aproveitamento, vencendo as seis partidas que disputou. São três vitórias no Gauchão – sendo duas contra o Caxias nas semifinais – e três na Sul-Americana.

Pela competição continental, o Grêmio teve duas vezes o Lanús como adversário. Venceu ambas as partidas e, na terceira, aplicou uma goleada histórica de 8 a 0 sobre o Aragua. Porém, contra todos os quatro adversários das últimas partidas, o maior empecilho foi o Caxias na partida da serra.

Além do bom começo de Tiago Nunes, há um destaque dentro de campo: Ferreira. O ponta confirmou a fase espetacular ao acabar com o jogo desta quinta-feira, marcando dois gols e ainda contribuindo com uma assistência. Ferreira é o grande protagonista desta temporada, mas não está sozinho. Diego Souza iniciou o ano com tudo e chegou à incrível marca de 12 gols em 11 jogos.

Na defesa, Pedro Geromel retornou e voltou a assumir a faixa de capitão. Surpresa da pré-temporada, Brenno consolidou-se no gol e conseguiu até mesmo ser convocado pela Seleção Olímpica. No meio-campo, Thiago Santos conquistou rapidamente a torcida e é o cachorrão do time.

greNAL

O Inter teve um começo instável com Miguel Ángel Ramírez. Com desafio de equilibrar o Gauchão com a Libertadores desde o início, o colorado contou com um reforço de peso. Taison chegou e, embora não possa atuar no estadual, é uma força na competição continental.

O time de Ramírez aplicou belas goleadas – cinco, para ser exato – e tem completa dominância no Beira-Rio. São 88,8% de aproveitamento em casa, com três goleadas seguidas. O Inter venceu o Deportivo Táchira por 4 a 0, o Olimpia por 6 a 1 e o Juventude por 4 a 1 atuando em casa.

Porém, fora de casa o desempenho não é tão bom. São três derrotas consecutivas, contra Always Ready por 2 a 0, Juventude por 1 a 0 e, mais recentemente, Deportivo Táchira por 2 a 1. Essa instabilidade é o que causa preocupação na torcida, além de que o último Gre-Nal terminou com vitória gremista.

Para o jogo, o Inter conta com a boa fase de Yuri Alberto e de Thiago Galhardo, além de um meio-campo bem entrosado com Edenílson e Maurício. Já na defesa, o destaque é Rodinei, que terá a missão de parar Ferreira.

O resultado será definido apenas no domingo, a partir das 16h, mas uma coisa é certa: o Gre-Nal 431 será disputado em alto nível e terá importância vital não apenas para ambos os clubes, mas também para seus respectivos técnicos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

mais lidas

Os três reforços que o Inter espera anunciar nos próximos dias

Com a chegada do Campeonato Brasileiro, o Inter espera fechar o seu último pacote de reforços no primeiro semestre. A direção colorada e Miguel...

Renato perde a paciência e esbraveja contra a imprensa: “Quando eu tiver 200 milhões para gastar, podem me cobrar futebol bonito”

O Grêmio venceu o Bragantino, engatou quatro vitórias consecutivas e escalou até a oitava posição do Campeonato Brasileiro. Ainda assim, os três pontos não...

Áudio de presidente do Londrina reacende polêmica sobre eliminação do Ypiranga na Série C

Após a eliminação do Ypiranga na Série C, um áudio polêmico circulou pelas redes sociais. Sérgio Malucelli, presidente do Londrina, foi questionado, em entrevista...

7 imagens que mostram como usuários do Instagram distorcem a realidade

Frame na TV versus foto no insta: Esqueceu de alterar a sombra... a J-Lo nem se deu ao trabalho de ter o produto em casa nesse...