quinta-feira, 24/06/2021
Publicidade
Início Colorado Baú do Bairrista: A noite em que Taison foi comparado a Messi

Baú do Bairrista: A noite em que Taison foi comparado a Messi

Às comparações fazem parte do show do futebol. Algumas delas até mesmo se tornam históricas e maior do que a própria partida em si. É o caso de Taison com o melhor jogador do mundo atualmente, Lionel Messi. Em jogo válido pela semifinal da Copa do Brasil, o camisa 7 colorado da época, brilhou contra o Coritiba.

Após a heroica classificação contra o Flamengo, com o mágico gol de Andrezinho, a equipe de Tite seguiu viva na competição para enfrentar o Coritiba. A partida de ida foi disputada no estádio Beira-Rio, e contou com uma grande vitória colorada, com show do atacante Taison.

Para a surpresa dos colorados que lotaram o Beira-Rio, o Coritiba foi o dono do jogo nos minutos iniciais. Com a marcação adiantada, a equipe paranaense conseguiu abrir o placar com Marcos Aurélio. Porém, a partir disso, começou o show do atacante. Mas se Taison foi comparado a Messi, D’alessandro parceiro da jovem estrela vermelha, poderia ser comparado aquela noite a Xavi ou Iniesta, grande parceiros do argentino no Barcelona.

Taison e D’alessandro fizeram uma grande dupla em seus tempos de Beira-Rio

D’ale e Taison conduziram a equipe de Tite para frente, com tabelas e comandando toda a articulação ofensiva do Inter. Aos 21 minutos, o argentino lançou Nilmar, a bola escapou do atacante, mas Taison com oportunismo dominou e bateu rasteiro, no canto esquerdo.

O colorado com o apoio de sua torcida continuou atacando o Coritiba, mas os gols da virada estavam reservados para a segunda etapa. Aos 14 minutos do segundo tempo, Taison partiu pra cima da defesa do Coxa Branca. Ele driblou três jogadores pelo meio, parou na área e serviu a Alecsandro. Livre, o substituto de Nilmar lesionado no primeiro tempo, fuzilou o goleiro Vanderlei, virando o jogo para o Inter.

Somente dois minutos depois do segundo gol, Taison estava lá novamente para infernizar o Coritiba. Desta vez na linha de fundo, pela direita, ele cruzou para trás. Alecsandro recebeu e lançou com perfeição. Andrezinho matou no peito e bateu com categoria, fazendo 3 a 1 para o Inter e garantindo a vitória colorada.

Apesar do resultado positivo de 3 a 1, o atacante seguiu acabando com a partida. Com grandes contra-ataques de velocidade e habilidade, o camisa 7 encantou a todos no Beira-Rio. Levando até mesmo, ao grande jornalista Wianey Carlet, o compara-lo com Lionel Messi. Confira na integra a histórica comparação do colunista gaúcho:

Ontem à tarde, o mundo maravilhou-se com a decisão da Liga dos Campeões, entre Manchester United e Barcelona. Viu-se Lionel Messi — o craque que ainda adolescente foi levado da Argentina para a Espanha. Apesar de jovem ainda, já é experiente em confrontos maiúsculos. Ele foi o condutor do Barcelona rumo ao título.

À noite, no Beira-Rio, outro garoto encantou a torcida e levou o seu time a uma importante vitória, de virada: Taison. Com a força de dribles, arrancadas velozes, malícia e inteligência, o menino de Pelotas desequilibrou o jogo e garantiu ao Inter uma decisão, em Curitiba, com relativa tranqüilidade. Não foi a primeira vez que Taison comandou um vitória colorada. Foram muitas, apesar de ter sido promovido a titular há poucos meses.

Taison jogará em um grande clube europeu, não deverá ser outro o seu destino. E quando estiver diante dos olhos do Velho Continente, será inevitável a sua consagração. Fazer previsões desta natureza é sempre temerário. Mas, neste caso, nem chega a ser um ato de coragem.

Hoje, Messi desponta como candidato fortíssimo a melhor jogador de futebol do mundo. Dentro de algum tempo, provavelmente, Taison desfrutará desta posição. E, dentro de uns 10 anos, será possível questionar:quem foi melhor, Messi ou Taison? Não custa esperar para ver

Na ocasião, o técnico Tite escalou o Inter na seguinte formação para conquistar a vitória: Lauro, Bolivar, Índio, Alvaro e Kleber. Sandro, Magrão, Andrezinho e D’alessandro. Nilmar e Taison.

Pela partida de volta, no Couto Pereira, o colorado foi derrotado por 1 a 0. Mas a vitória dos paranaenses não foi o suficiente para eliminar o Inter da competição, que avançaria até a final da Copa do Brasil.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

mais lidas

Os três reforços que o Inter espera anunciar nos próximos dias

Com a chegada do Campeonato Brasileiro, o Inter espera fechar o seu último pacote de reforços no primeiro semestre. A direção colorada e Miguel...

Renato perde a paciência e esbraveja contra a imprensa: “Quando eu tiver 200 milhões para gastar, podem me cobrar futebol bonito”

O Grêmio venceu o Bragantino, engatou quatro vitórias consecutivas e escalou até a oitava posição do Campeonato Brasileiro. Ainda assim, os três pontos não...

Áudio de presidente do Londrina reacende polêmica sobre eliminação do Ypiranga na Série C

Após a eliminação do Ypiranga na Série C, um áudio polêmico circulou pelas redes sociais. Sérgio Malucelli, presidente do Londrina, foi questionado, em entrevista...

7 imagens que mostram como usuários do Instagram distorcem a realidade

Frame na TV versus foto no insta: Esqueceu de alterar a sombra... a J-Lo nem se deu ao trabalho de ter o produto em casa nesse...