quinta-feira, 24/06/2021
Publicidade
Início Colorado Baú do Bairrista: Mococa ou Falcão? Falcão é claro!

Baú do Bairrista: Mococa ou Falcão? Falcão é claro!

Na reta final do Brasileirão de 1979, Inter e Palmeiras decidiriam uma vaga para a final do campeonato. O confronto importantíssimo não levou apenas a tradicional rivalidade entre paulistas e gaúchos, como trouxe para campo, um duelo individual entre Paulo Roberto Falcão e Mococa, volante palmeirense. Antes da partida ser disputada no Morumbi, o Jornal da Tarde estampou em sua capa o questionamento que seria repercutido nacionalmente: “Mococa ou Falcão?”

 

Foto: Reprodução

Falcão já era ídolo no Beira-Rio, bicampeão brasileiro o volante já tinha sido premido algumas vezes como melhor jogador do país, e ficou de fora da Copa do Mundo de 78, disputada na Argentina, por um desentendimento com o técnico Cláudio Coutinho.

Falcão foi eleito o melhor jogador do país em 1978

Já Mococa, era a grande revelação de Telê Santana para o Palmeiras naquela temporada. O jovem volante contava com muita força física, qualidade que encantou toda nação palmeirense.

Mococa era a grande revelação do Palmeiras naquela temporada

Apesar da equipe de Ênio Andrade estar invicta na competição, o favoritismo para a partida estava ao lado do Palmeiras. A equipe Paulista chegou para o confronto depois de ter eliminado o Flamengo de Zico, com uma goleada por 4 a 0. Portanto, a imprensa nacional contava que o time palmeirense acabaria com a séria invicta do Inter, ainda mais com o jogo sendo disputado em um Morumbi lotado.

Porém, com a bola rolando, o que se viu foi uma das maiores atuações de Paulo Roberto Falcão. O maior craque da história do Beira-Rio, marcou dois gols na vitória colorada por 3 a 2.

Em uma grande partida, o Palmeiras saiu na frente com Baroninho aos 34 minutos do primeiro tempo. No início da segunda etapa, o príncipe Jajá arriscou de longe e empatou para os colorados. Cinco minutos depois, Jorge Mendonça aplicou um chapéu na zaga vermelha e fez um golaço. Delírio no Morumbi, a equipe de Telê Santana estava novamente na frente, e dessa vez, motivada por um belo gol. Porém, a partir desse momento, Falcão iniciou seu show naquela noite do dia 13 de dezembro de 1979.

Aos 19 minutos da etapa final, o volante colorado subiu no 5° andar e cabeceou forte no canto do goleiro, sem chances alguma de defesa para Gilmar. O empate já era muito favorável para a equipe de Ênio Andrade, que decidiria a vaga para a final jogando no Beira-Rio, mas o camisa 5 queria mais.

Seis minutos depois de empatar o jogo, Falcão confirmaria sua atuação de gala com um golaço. Após Valdomiro disputar uma bola aérea, o volante colorado recebeu a sobra e aplicou uma finalização forte e certeira, virando o jogo para os colorados.

Após a vitória do Inter com o show de Paulo Roberto Falcão, o Jornal da Tarde, respondeu a sua própria pergunta:

Foto: Reprodução

Na partida de volta, disputada no Beira-Rio, o Inter confirmou a sua vaga para final empatando com o Palmeiras por 1 a 1, seguindo em frente para conquistar o tricampeonato.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

mais lidas

Os três reforços que o Inter espera anunciar nos próximos dias

Com a chegada do Campeonato Brasileiro, o Inter espera fechar o seu último pacote de reforços no primeiro semestre. A direção colorada e Miguel...

Renato perde a paciência e esbraveja contra a imprensa: “Quando eu tiver 200 milhões para gastar, podem me cobrar futebol bonito”

O Grêmio venceu o Bragantino, engatou quatro vitórias consecutivas e escalou até a oitava posição do Campeonato Brasileiro. Ainda assim, os três pontos não...

Áudio de presidente do Londrina reacende polêmica sobre eliminação do Ypiranga na Série C

Após a eliminação do Ypiranga na Série C, um áudio polêmico circulou pelas redes sociais. Sérgio Malucelli, presidente do Londrina, foi questionado, em entrevista...

7 imagens que mostram como usuários do Instagram distorcem a realidade

Frame na TV versus foto no insta: Esqueceu de alterar a sombra... a J-Lo nem se deu ao trabalho de ter o produto em casa nesse...