quinta-feira, 22/10/2020
Início Futebol Gaúcho Juventude goleia fora de casa e fica próximo da liderança

Juventude goleia fora de casa e fica próximo da liderança

O Juventude empolgou, isso é um fato. Nas últimas seis rodadas do Brasileiro, foram quatro vitórias, um empate e apenas uma derrota. Isso sem falar na classificação às oitavas-de-final da Copa do Brasil. Neste sábado, a invencibilidade aumentou com mais uma vitória e não foi contra qualquer um. O Jaconero foi até Campinas enfrentar a então terceira colocada Ponte Preta.

O confronto direto começou pegando fogo e quem atacou primeiro foi a Macaca. Moisés recebeu na direita e Marcelo Carné foi obrigado a fazer grande defesa já no segundo minuto de partida. Ao contrário dos últimos jogos, Renato Cajá sentou no banco de reservas para dar lugar a Wagner e foi dos seus pés que saiu a primeira chance. O meia apareceu na esquerda e cruzou para Dalberto, que quase abriu o placar de cabeça.

Aos 23′, o Juve cobrou escanteio e a bola seguiu viva no ataque. Wagner escorou e Wellington, que permaneceu na grande área matou a bola no peito para Igor, que soltou a bomba abrindo o placar. O lateral-direito marcou seu segundo gol nos últimos 15 dias e ainda teve o seu contrato renovado na semana passada.

Com a vantagem, a equipe de Pintado baixou as linhas e então quem brilhou foi Marcelo Carné. O goleiro fez, no mínimo, mais quatro excelentes defesas na primeira etapa, evitando gols de Matheus Peixoto, Apodi, Ernandes e Bruno Rodrigues. Assim, os visitantes foram para o vestiário com o 1 a 0 favorável no placar.

A segunda etapa começou da mesma forma e a Ponte se jogou ao ataque. A pressão deu certo e, aos 5′, foi marcado pênalti de Wellington e Matheus Peixoto converteu. A partida então entrou em uma sucessão de perde e ganha no meio-campo, sem grandes chances e mantendo-se bastante equilibrada.

Aos 21′, o Papo voltou ao ataque. Dalberto recebeu dentro da área, fez o pivô e escorou para Gustavo Bochecha, que chutou bonito e acabou com qualquer chance de defesa do goleiro Ivan. Um golaço no Moisés Lucarelli. O gol deu confiança ao Juventude e Dalberto quase deixou o dele poucos minutos depois.

Já com Cajá em campo, o camisa 10 quase marcou em cobrança de falta. Aos 34′ e sem diminuir a pressão, Eltinho foi lançado na linha de fundo e tentou cruzar para trás, mas Apodi, com a mão, cortou e foi marcada a penalidade máxima. João Paulo foi para a cobrança e guardou o terceiro gol do Jaconero na partida.

Com a goleada em Campinas, a equipe ultrapassou o Paraná e a própria Ponte Preta, chegando até a terceira colocação da Série B, com 22 pontos. O Juventude está empatado com o Paraná (4º lugar) e com a Chapecoense (2º). O próximo compromisso será nesta terça-feira, às 19h15, ocasião em que o Alfredo Jaconi receberá o líder Cuiabá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

mais lidas

Especial: Jogadores Vira-Casaca na década de 90

Na primeira parte desta matéria mostramos os 25 jogadores que viraram a casaca no século 21. Agora, chegou a vez dos anos 90, que...

Desenvolvedores criam mapa de corrida de carro baseado em Porto Alegre

Já pensou em disputar uma corrida de carro na orla do Guaíba? Ou então passear em alta velocidade pelo Beira-Rio e Arena do Grêmio?...

Jogadores do Grêmio publicam nota conjunta: “Nos respeitem!”

Após o Grêmio divulgar o adiamento de parte dos vencimentos dos jogadores, os atletas tricolores foram às redes sociais comentar sobre o assunto. Publicaram...

Jogo do Grêmio terá narração de Luiz Alano e comentários de Mauro Galvão. Saiba mais:

Já está definida a escala do SBT para o confronto do Grêmio na Libertadores nesta quarta, às 21:30, contra a Universidad Católica. O narrador...