quinta-feira, 22/10/2020
Início Futebol Gaúcho Juventude vence CRB e consegue boa vantagem na Copa do Brasil

Juventude vence CRB e consegue boa vantagem na Copa do Brasil

O primeiro tempo foi cheio de emoções desde o começo. No primeiro minuto, Capixada foi lançado e por muito pouco não ficou livre na cara do gol. Aos doze minutos, Dalberto foi derrubado na grande área e o juiz não marcou pênalti, apesar da reclamação. O jogo seguiu com bons ataques, mas não somente no lado gaúcho. O CRB de Léo Gamalho chegou com perigo aos 24 minutos. Jatobá cabeceou forte e Carné salvou.

O jogo estava em uma sequência grande de escanteios para os alagoanos. Um, dois, três, quatro… deu para perder a conta. Mas por ironia – dessas que é comum no futebol -, foi de um escanteio que o Juventude abriu o placar. Cajá colocou a bola na área e Igor aproveitou o rebote da defesa para arriscar do bico da área. Com desvio, a bola morreu no fundo da rede, decretando a vantagem do Jaconero.

O CRB seguiu em cima e Marcelo Carné foi obrigado a fazer mais duas boas defesas. Ainda assim, em nenhum momento o Juve deixou de atacar. Após o intervalo, os donos da casa assumiram uma postura mais firme, impedindo os avanços dos alagoanos. Logo aos 5′, Renato Cajá acionou Breno com um belo passe e o atacante quase ampliou.

Gustavo Bochecha achou Dalberto, que não conseguiu concluir, e minutos depois Capixaba fez boa tabela com João Paulo, sendo parado apenas com falta muito perigosa. Aos 18′, Breno Lopes arrancou do meio-campo e seguiu até ficar na cara do gol, mas isolou. O próprio Breno deixou o campo em uma tentativa do Pintado de segurar o adversário, colocando Marciel.

Pintado colocou ainda em campo Wagner e Gilson, tirando Renato Cajá e Capixaba. A partida ficou ainda mais truculenta, com poucas chances, mas eis que surgiu o lance matador. Marciel enfiou grande bola para Dalberto que, de maneira muito inteligente, tirou do goleiro com um passe lateral para Wagner. Sem goleiro, o meia apenas empurrou da entrada da área para marcar o segundo da partida e seu primeiro com a camisa do Papo.

Com os dois gols de vantagem, o técnico Pintado apostou em um estilo mais conservador. O Juventude tentou explorar os espaços deixados pelos visitantes, mas não conseguiu. Entraram em campo ainda Gustavo Bispo e Luís Ricardo na partida, deixando a equipe sem nenhum atacante na formação.

O jogo seguiu sem grandes chances e o fim de papo no Alfredo Jaconi. 2 gols e uma grande vantagem para o Jaconero. A próxima partida será na terça-feira no estádio Rei Pelé, às 19h, e o Juventude não pode bobear. Classificando-se, o Ju irá se juntar aos demais clubes que avançarem e os brasileiros na Copa Libertadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

mais lidas

Especial: Jogadores Vira-Casaca na década de 90

Na primeira parte desta matéria mostramos os 25 jogadores que viraram a casaca no século 21. Agora, chegou a vez dos anos 90, que...

Desenvolvedores criam mapa de corrida de carro baseado em Porto Alegre

Já pensou em disputar uma corrida de carro na orla do Guaíba? Ou então passear em alta velocidade pelo Beira-Rio e Arena do Grêmio?...

Jogadores do Grêmio publicam nota conjunta: “Nos respeitem!”

Após o Grêmio divulgar o adiamento de parte dos vencimentos dos jogadores, os atletas tricolores foram às redes sociais comentar sobre o assunto. Publicaram...

Jogo do Grêmio terá narração de Luiz Alano e comentários de Mauro Galvão. Saiba mais:

Já está definida a escala do SBT para o confronto do Grêmio na Libertadores nesta quarta, às 21:30, contra a Universidad Católica. O narrador...